Dicas de Viagem

Roupa de trilha feminina: o que você precisa saber e levar


Quando vamos nos aventurar em atividades de ecoturismo, precisamos nos preocupar com várias coisas: barraca, snacks, água, bota adequada… E, entre elas estão, de fato, as roupas. Saber escolher a vestimenta certa é essencial para realizar uma aventura de trilha ou trekking, visto que ela interfere na mobilidade. Por isso, hoje trago pra vocês uma lista de roupa de trilha feminina para você que ainda tem dúvida do que levar e usar!

Você sabia que sou embaixadora da The North Face, uma das maiores marcas outdoor do mundo! Isso traz benefícios pra vocês, leitores e seguidores. Com o cupom levenaviagem você tem 10% de desconto em qualquer produto pelo site da The North Face e na loja física! E o melhor, ele é cumulativo, ou seja, é válido também para produtos que já estão com desconto. Aproveite mais ainda esse post!

ORGANIZANDO SUA VIAGEM

Roupa de trilha feminina: observações essenciais

Para fazer uma trilha confortavelmente, como mencionei, as roupas escolhidas terão impacto direto em seu desempenho. O essencial é que as roupas sejam leves, práticas, não ocupem muito espaço e proporcionem facilidade na movimentação. Esse aspecto será determinante para o resultado satisfatório de sua aventura!

 

1. Camiseta

As camisetas são essenciais para a mulherada trilheira. Isso porque elas são confortáveis e oferecem proteção aos ombros, que tendem a tomar bastante sol ao longo do trajeto. As de manga comprida são excelentes no fator proteção solar. Alías, optar por camisetas com proteção solar é ainda mais legal, porque, mesmo que você gaste um pouco a mais, terá a certeza de proteção e segurança para sua pele.

Se a sua trilha for com mais mata fechada, a opção das regatas é ótima e até um pouco mais fresca, se você for meio calorenta. No mais, pensar sempre em camisetas ou regatas leves, que sequem fácil em caso de ser necessário lavar (trilhas longas) e não causem suor. Quando for procurar, verifique se o tecido é dry fit — esse é o melhor para a prática de atividades.

 

2. Calças ou bermudas

Se as camisetas precisam ser boas para mobilidade, imagina as calças e bermudas, né? É essencial que você sempre opte por materiais leves e maleáveis, como leggings, compridas ou curtas, a seu critério. Seguindo o tópico acima, é importante que sejam de materiais que não esquentem e, na verdade, ajudem o corpo e manter a temperatura amena. No caso de trilhas em ambientes mais frios, leve consigo calças. O ideal, nesse caso, é que sejam quentinhas.

Não pense jamais em fazer trilha com short ou calça jeans — além de prejudicarem a mobilidade, é muito possível que o tecido cause assadura na parte interna das coxas, além de que calças jeans costumam propiciar o inchaço nas pernas, a depender do modelo.

3. Fleece

O fleece é um item indispensável para a prática de trilha/trekking no inverno. Isso porque trata-se de uma roupa que tem como finalidade manter a temperatura corporal estável. Quando falamos sobre ecoturismo no inverno, é, de fato, muito importante lembrar da importância das camadas de roupa para manter o corpo aquecido.

Quando falamos em fleece, estamos nos referindo, na verdade, ao tecido que forma a roupa que você irá usar. Ele é comercializado geralmente como vestimenta superior e utilizado como camada intermediária, com a função, como falei, de aquecer o corpo.

A fim de escolher bem o seu fleece, leve em consideração aspectos como o destino, tipo de atividade e temperatura média, para selecionar a gramatura ideal para você.

Cupom levenaviagem

 

Reprodução: Broderie Et Cie

4. Segunda Pele

Seja para camisetas ou calças, a segunda pele tem uma função importante, como a dos fleeces: aquecer o corpo. Ela recebe esse nome por, justamente, precisar estar em contato direto com a pele a fim de exercer sua função de aquecimento. São roupas leves, que garantem uma proteção contra situações de frio. Em caso de temperaturas extremas, ela é utilizada por baixo de outras camadas de roupa, como o fleece. Já no caso de temperaturas moderadas, só a segunda pele já dá conta do recado.

Independentemente de camisetas segunda pele ou calças segunda pele, eles são muito importantes em trekkings ou trilhas em que haja mais umidade, baixas temperaturas e chuva.

Deixo aqui a dica maravilhosa do Rastreador Via Satélite – SPOT – que garante segurança nos lugares mais inóspitos do planeta. Sempre uso nas minhas trilhas e viagens de aventura, pois me assegura com rastreamento em tempo real, compartilha informações de localização com meus parentes e possibilita resgate em caso de perigo ou risco de morte. Se você não conhece, dá uma olhada que vale a pena. Com o cupom LEVENAVIAGEM você consegue 5% de desconto na compra. O modelo que eu uso é o GEN 4.

5. Corta vento ou anorak

Similarmente ao tópico anterior, o corta vento tem uma função relacionada à preservação da temperatura corporal. Adequado não somente para ambientes frios, como também para montanhosos, o corta vento é uma opção para quem quer enfrentar ventos e temperaturas baixas sem carregar uma roupa muito pesada.

É uma alternativa legal para não sobrecarregar o peso da mochila e também compor as camadas de aquecimento, sendo o item a ser utilizado por último, ou seja, a camada mais externa de todas.

6. Parca

As parcas são itens muito específicos. Apesar de terem se tornado um item de moda, as parcas originais e voltadas à prática de esporte são muito pesadas, grossas e quentes, sendo ideais para destinos em condições rigorosas de frio, como em ambientes de neve. Não considero um item essencial se você está começando agora no mundo do trekking e não pretende sair do Brasil tão cedo.

7. Tênis ou Botas

Apesar de não serem roupas no sentido literal, elas compõem as vestimentas. Em geral, é importante verificar o seu uso. Trilha básica de final de semana? Um tênis antiderrapante já é suficiente. Vai usar mochila cargueira, é um trekking ou uma trilha que duras horas e é num terreno montanhoso? Tenha botas! Aliás, é preciso analisar e escolher muito bem, com cuidado, as botas de esportes de aventura — a propósito, falo sobre isso nesse post. O conforto dos seus pés é essencial, visto que ele irá determinar o seu sucesso na aventura que fará. Por isso, nada de chinelo, tênis velho, sapatilha ou coisa do tipo.

Lembre-se de ver direitinho o tamanho do seu pé, de seus tornozelos e observar cuidadosamente o material que compõe a bota!

8. Meias

Não apenas as botas, como também as meias são muito importantes na hora de uma trilha. É ela quem vai determinar o seu conforto! Tudo vai depender de aspectos como o uso, o tipo de solo, tempo de caminhada, clima, o próprio sapato… Por exemplo, caminhando em terrenos planos, não precisamos de tanta preocupação, priorizando exclusivamente o conforto. Já quando nos encontramos em terreno montanhoso, é importante evitar ao máximo o surgimento de bolhas. Nesse caso, o interessante é usar meias mais grossas, especialmente algumas que têm o conceito de “dupla pele” também, focando num tecido especial na parte do calcanhar e dos dedos.

Reprodução: Revista Blog de Escalada/Site
Cupom levenaviagem

No caso de trilhas com mais de três horas, o interessante é que sejam meias mais ventiladas. Enfim, analise de acordo com a sua realidade, mas não esqueça das orientações gerais!

9. Bonés ou viseiras

Nem todo mundo acha necessário, mas eu considero essencial! Proteger o rosto dos raios solares é essencial para a manutenção da saúde da pele, pois evita manchas de sol e queimaduras. Além disso, evitam que a cabeça esquente demais — literalmente, rsrs. Sejam bonés, viseiras ou até mesmo chapéus, acho muito importante utilizar itens que protejam da incidência solar direta na cabeça e no rosto!

E aí, o que achou das dicas de roupa feminina para trilha? De fato, não é uma atividade difícil de ser feita. Você só precisa observar com cuidado o seu destino para selecionar de forma adequada o que vai usar! Os itens que mencionei são, inegavelmente, muito importantes para a prática, mas nem todos são essenciais! Acho importante salientar isso, especialmente se você está começando agora e só pretende fazer trilhas simples: foque nem camisetas, bermudas, meias, mochila e tênis. No máximo uma segunda pele, já que ela protege muito!

Ademais, não esqueça, aqui a intenção é ajudar! Por isso, desde roupas a planejamento de viagens, sempre terá algo pra tentar auxiliar vocês. Se acaso não encontrar aqui o que procura, mande sua dúvida! Será um prazer ajudar!

Cupom levenaviagem
VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DE
Luísa Pires

Posts recentes

Lugares para viajar sozinha: 5 destinos para você desbravar!

Muitas são as mulheres que têm o sonho de viajar sozinha. No entanto, muitas também…

% dias atrás

Portais de Hércules: tudo o que você precisa saber

Localizados no Rio de Janeiro, mais precisamente no Parque Nacional da Serra dos Órgãos, os…

% dias atrás

Chá da tarde simples para fazer em casa ou em qualquer lugar!

Um hábito muito gostoso de ter e que às vezes nos esquecemos é o do…

% dias atrás

Como economizar dinheiro para viajar: torne seu sonho mais fácil!

Viajar é, de fato, um sonho de muita gente. Na verdade, um estudo feito pelo…

% dias atrás

Declaração de saúde do viajante: tudo o que você precisa saber!

Após a explosão da pandemia do Coronavírus, aconteceram muitas mudanças e adaptações na forma de…

% dias atrás

O que fazer em Malta: um guia para visitar o arquipélago

Localizado no mar mediterrâneo, entre a Sicília e a Tunísia, Malta é considerado um pequeno…

% dias atrás