Saiba tudo e mais um pouco sobre seguro viagem Tailândia


Combinando natureza exuberante e cultura milenar, a Tailândia é o destino dos sonhos de muita gente. Não sei se sabem, mas é o décimo país mais visitado no mundo, e por isso seguro viagem Tailândia é também algo bastante procurado. 

E não é pra menos: além das belezas naturais e a fascinante diversidade de sua cultura, o país possui ótima infraestrutura para o turismo. Além disso, o clima de festa e alegria predomina e seu povo é muito, muito acolhedor!

ORGANIZANDO SUA VIAGEM

Seguro viagem Tailândia: é obrigatório?

Para brasileiros e portugueses que viajam à Tailândia não é necessário portar visto. O documento não é necessário para turismo, você só precisa de visto caso viaje para estudos ou a negócios. 

É necessário apenas um passaporte com validade mínima de seis meses. Os brasileiros podem permanecer no país até 90 dias e após esse período, você deve renovar seu carimbo do passaporte, sob pena de uma multa bem pesada. 

Vacinas: o que você precisa saber

É importante lembrar também que a vacina contra febre amarela é obrigatória para a entrada no país. leve sua caderneta de vacinação em um posto da Anvisa para obter o certificado internacional, que será emitido em inglês. você deverá apresentá-no no health control, o balcão das autoridades sanitárias, assim que chega no aeroporto. se não sabe como obtê-lo, de uma lida no post saiba como tirar seu certificado internacional de vacinação.

Outra vacina importante: contra febre tifóide, principalmente se for ficar muitos dias ou for se hospedar fora do circuito turístico, e, sobretudo, se for visitar aldeias ou cidades pequenas, em áreas rurais. 

Outra recomendação importante se você viaja para a Tailândia, é tomar cuidado com a água e os alimentos que consome. O melhor é evitar alimentos crus ou mal cozidos. Também é aconselhável beber apenas água engarrafada e consumir as bebidas sem gelo. Considere também tomar a vacina antitetânica e a vacina contra a hepatite A e B. 

Se você vai ficar mais de trinta dias tome também a vacina contra a raiva. Principalmente se você vai ficar em áreas mais afastadas e tiver contato com animais, como os macacos. A raiva ainda é comum na Tailândia. O mais recomendável é tomar todas as vacinas até duas semanas antes da viagem. Só por esses cuidados você já deve imaginar como um seguro viagem Tailândia é importante! 

ORGANIZANDO SUA VIAGEM

Seguro viagem

Mas, mesmo assim, para visitar a Tailândia, assim como para qualquer outro país da Ásia, não é obrigatório contratar um seguro viagem Tailândia, contudo, é BASTANTE recomendável. Afinal, não é tão distante a possibilidade de se acidentar ou seu organismo não aceitar bem uma comida tão diferente. A possibilidade de adquirir alguma doença tropical, como dengue e malária, também não é improvável. Ou ainda imprevistos “pequenos” como mala estragada pela cia aérea ou bagagem extraviada. Imagine ficar sem suas roupas do outro lado do mundo??

No geral, a Tailândia não é um país caro. Contudo, o atendimento médico a estrangeiros pode chegar a custos altíssimos. Pagar uma fortuna para ser atendido em uma clínica particular ou depender do serviço público de saúde da Tailândia são perspectivas nada animadoras, não é? Por isso, mesmo não sendo obrigatório, contrate um seguro viagem Tailândia e seja um viajante precavido!

Por que adquirir um seguro viagem para a Tailândia?

Vale lembrar que o seguro viagem Tailândia não é apenas um seguro de saúde. A seguradora pode te ajudar em diversas situações que podem mesmo arruinar sua viagem. 

De acordo com a cobertura escolhida, o seguro pode apoiá-lo em situações como perda ou roubo de documentos, extravio de bagagem, acidentes pessoais, entre outras. Recentemente tive meu passaporte roubado no Chile, imediatamente entrei em contato com a segurada em questão e tive o suporte de $1.700 dólares para ajuda nas despesas por conta do imprevisto, ou seja, foi uma mãe na roda!!

Como escolher o melhor seguro de viagem para a Tailândia?

Para escolher o melhor seguro para viajar à Tailândia você precisa considerar vários fatores. Entre eles, o roteiro e a duração de sua viagem e também se irá fazer esportes radicais. Confira algumas dicas: 

  1. O primeiro passo é a escolha do tipo de cobertura. O mais aconselhável é escolher a cobertura por evento. Na cobertura por evento, o valor total da apólice estará sempre disponível, ainda que você precise usar o seguro mais de uma vez.  Por exemplo: você contratou um seguro no valor de U$ 30.000. Digamos que tenha sofrido um acidente e fraturou um dos pés. Foi atendido em um hospital e o valor das despesas médicas deu um total de U$ 2.000. Na cobertura por evento, se precisar utilizar o seguro viagem Tailândia de novo você terá disponível U$ 30.000, e não U$ 28.000.
  2. Leia atentamente a apólice do seguro que você pretende contratar e fique de olho na cobertura para acidentes. O trânsito da Tailândia é bem caótico e ficamos sujeitos, por exemplo, a um acidente. Não estou querendo ser pessimista, apenas levantando questões que podem sim ocorrer. Vale se prevenir nesse sentido.
  3. Você pretende praticar esportes radicais na Tailândia? O país é um paraíso para os amantes de aventura. Há várias opções de trilhas, mergulho, exploração de vulcões inativos e aldeias locais para conhecer. Ainda que existam equipes de apoio ao turista, proporcionando bastante segurança a essas atividades, sempre é bom se prevenir. Já pensou, um pé torcido estragar sua viagem?
  4. Pesquise seguradoras que oferecem atendimento em português. Em uma emergência fica muito mais fácil conversar na sua língua nativa! Algumas seguradoras oferecem também o primeiro contato por WhatsApp. Esta opção também pode ser muito válida em uma situação adversa.

Outros cuidados necessários:

  1. Indenização por extravio de bagagem: essa é uma situação infelizmente bem comum. Quem já passou por isso sabe os imensos transtornos que pode causar. Fora o prejuízo financeiro, o inconveniente de ficar sem seus pertences, ou ainda perder algum item de valor sentimental. A obrigação de reaver sua bagagem ou indenizá-lo é da companhia aérea. Contudo, a seguradora pode oferecê-lo uma indenização para comprar itens básicos, tornando a situação um pouco menos incômoda.
  2. Verifique se a seguradora possui convênio com clínicas internacionais. Esta deve ser uma prioridade na escolha de seu seguro viagem Tailândia. É muito importante ser atendido em uma clínica internacional para que você possa receber atendimento em inglês. É angustiante só de pensar ter um problema com sua saúde e ainda ter que se comunicar em um idioma completamente desconhecido!
  3. Verifique se o seguro cobre a chamada repatriação sanitária. É solicitada caso você tenha uma complicação séria com sua saúde, como um acidente grave. Nessa situação, o médico local faz uma carta recomendando sua volta ao Brasil, para fins de tratamento.
  4. Nessa a gente, de fato, não gosta nem de pensar! Mas veja se a seguradora que você quer contratar oferece assistência funerária. Em caso de falecimento, a seguradora deve arcar com os custos de traslado do corpo.

Não deixe de viajar com segurança, contrate um seguro viagem e esteja sempre preparado. Use o cupom de desconto LEVENAVIAGEM5 e deixe seu seguro ainda mais barato! 

E não deixe de ler as dicas que tenho sobre o país! Algumas delas estão nos posts:
Precisando de mais informações sobre seguro viagem? Leia também:

 

Evellyn

Posts recentes

Câmeras ao vivo pelo mundo: 6 opções para você viajar dentro de casa

Às vezes, as possibilidades de viagem ficam reduzidas e isso pode nos desanimar. No entanto,…

% dias atrás

Países que falam a língua portuguesa: 6 para você conhecer

Viagens internacionais costumam ser um sonho antigo de muitas pessoas. No entanto, entre diversos possíveis…

% dias atrás

Hoteis perto de Guarulhos: 6 opções para todos os gostos

Se você procura por hospedagem em Guarulhos, muito provavelmente tem uma razão mais prática, seja…

% dias atrás

Hoteis fazenda em SP: 6 opções para você conhecer e relaxar

É comum que, ao pensar em hospedagem, venham à cabeça hotéis enormes, chiques, com ofertas…

% dias atrás

Doces fitness rápidos e fáceis: 6 receitas para qualquer viagem

De vez em quando a gente tem uma vontade de comer doces, mas acaba ficando…

% dias atrás

Alimentação saudável na pandemia: como manter bons hábitos

A pandemia do Coronavírus não é novidade. Aliás, já se tornou algo desgastante. Mais de…

% dias atrás