Jantar leve e rápido: 5 receitas gostosas para fazer em casa ou na viagem


Muita gente acha que deve abandonar a rotina saudável durante as viagens. Alguns porque querem se permitir provar mais alimentos diferentes, mas a maioria é porque acredita que é muito difícil seguir um cardápio leve e gostoso fora de casa. Mas sabia que é possível fazer um jantar leve e rápido mesmo viajando?

A gente sabe que dois dos pilares da boa saúde são a alimentação e a prática de exercícios físicos regularmente, inclusive durante as viagens. Fazer exercícios físicos enquanto viaja é relativamente simples: há vários aplicativos maravilhosos para ajudar a gente nessa missão.

ORGANIZANDO SUA VIAGEM

Talvez você possa se hospedar em um hotel que conta com academia própria ou seus planos de viagem incluam algum esporte de aventura. Além disso, você sempre pode trocar o táxi ou o transporte público por uma boa caminhada, se nenhuma dessas alternativas for viável pra você. 

Mas e a alimentação, como fica? De fato, é super importante manter a rotina de se alimentar também nas viagens. Hoje, vim trazer pra vocês receitinhas práticas, saudáveis e deliciosas para o seu jantar durante a viagem. 

Jantar leve e rápido: refeições com saúde e sem sacrifícios 

Não é incomum, mesmo em viagens, que a gente consiga se alimentar super bem  no café da manhã (fazendo boas escolhas no buffet do hotel, por exemplo) e adote um almoço nutritivo. Mas chega a hora do jantar e a vontade de substituir a refeição por uma pizza ou hambúrguer com batatas fritas é gigante! Quem nunca passou por isso? No entanto, trocar uma refeição balanceada por fast food é algo que deve ser evitado, por causa de todos os enormes prejuízos à nossa saúde. 

Mas calma, não estou dizendo que você deve abrir mão totalmente de conhecer aquele restaurante incrível, que serve alguns pratos nem tão saudáveis assim. Minha dica é que você reserve apenas algumas noites da sua viagem para comer algo diferente. Um jantar leve e rápido vai te ajudar a ter uma noite de sono mais tranquila, de tal forma que, no dia seguinte, você se sentirá muito melhor para curtir os passeios programados. 

Caso você esteja viajando em grupo e seus amigos não dispensem o jantar fora de jeito nenhum, uma ideia é você fazer sua refeição antes e acompanhá-los na sobremesa ou algum petisco mais leve. 

Além disso, se seu roteiro noturno incluir balada e alguns drinks (sempre com consciência, é claro!), aí mesmo que você vai precisar estar bem alimentado para ficar bem e aproveitar sua viagem ao máximo. 

 

Cozinhar o próprio jantar é muito mais econômico!

Outra grande vantagem de preparar seu jantar em viagens é que você poderá economizar bastante. O jantar costuma ser a refeição que mais apresenta opções não saudáveis, além de quase sempre ser a mais cara. 

Não é raro encontrar, caso você viaje para um grande centro urbano, ótimas opções de almoço a preços bem acessíveis. Geralmente são pratos pensados para as pessoas que trabalham na região e precisam almoçar fora todos os dias. 

Contudo, para o jantar é mais complicado: não faltam lugares que servem fast food e frituras, e com um preço bem menos em conta. Pode ser bem complicado encontrar opções saudáveis e nutritivas para o jantar em restaurantes ou aplicativos de delivery. 

Planejar-se é essencial

Agora que você já sabe que cozinhar seu próprio jantar é uma ótima ideia para a saúde e para o bolso, você precisa se planejar. 

No dia em que chegar ao seu destino, saia para buscar os itens necessários para o preparo das suas refeições. Leve em consideração o número de noites que você vai passar, para evitar o desperdício ou ter que voltar a sair para isso. 

Tenha em mãos uma lista com os ingredientes necessários para o preparo dos pratos escolhidos. Liste também possíveis substitutos nas receitas, caso você não os encontre. 

Dê preferência às frutas, verduras e legumes da estação, isso vai garantir que você tenha ingredientes mais frescos, saudáveis e também mais em conta. 

5 dicas de receitas: confira 

Vamos às receitas? Escolhi pratos rápidos e deliciosos para você preparar na cozinha do hostel, no camping ou até mesmo em casa, quando quiser comer algo gostoso mas não queira passar muito tempo cozinhando. 

1. Salada de macarrão e atum

Quem resiste a uma salada de macarrão? Essa salada é de fato uma delícia para as noites mais quentes e, além disso, é ser super prática. 

Basta misturar uma xícara de macarrão parafuso integral cozido (al dente, de preferência) com uma lata de atum ralado (dê preferência aos conservados em água), cheiro verde, azeite de oliva extra virgem, cenoura ralada, meia cebola picada em cubos bem pequenos, tomate sem pele e sem sementes picadinho. Tempere com sal e pimenta do reino moída, e está pronta a sua salada! 

Se quiser, você pode acrescentar outros ingredientes para deixar sua salada ainda mais gostosa e nutritiva: milho verde, pedacinhos de brócolis cozido no vapor, alho poró, manjericão, ovos de codorna cozidos e o que mais você gostar e que sua imaginação mandar.

Obs: a gente sabe que o ideal seria usar o peixe fresco, adquirido preferencialmente em uma feira da cidade que você esteja. Porém, como também sabemos que nem sempre isso é possível, a dica é usar o atum em lata de vez em quando. Dê preferência aos conservados em óleo.

 

2. Frango ao curry

Esse prato dispensa apresentações! O curry deixa qualquer refeição com um sabor incrível. E é super leve: vai muito bem apenas com uma saladinha de folhas verdes, se tornando uma refeição de baixo carboidrato. Experimente acompanhado de salada de alfaces lisa e crespa e folhas de rúcula!

ORGANIZANDO SUA VIAGEM

Em uma panela, refogue meia cebola pequena em um fio de azeite. Quando dourar, junte dois filés de peito de frango cortado em cubos e refogue. Adicione sal a gosto e uma colher de chá de curry (se não curtir muito o sabor, pode colocar só uma pitadinha, também fica uma delícia). Espere o frango acabar de cozinhar bem, misture duas colheres de sopa de creme de ricota até o molho ficar homogêneo, e está pronto!

 

3. Berinjela gratinada 

Esse é um prato vegetariano, mas até quem come carne vai querer também! A berinjela combina super bem com tomate e orégano, e com quase nada de trabalho vira um prato muito gostoso, que pode ser o prato único ou compor uma refeição mais elaborada, como entrada. 

Corte três berinjelas em fatias bem finas, em sentido longitudinal. Coloque um pouquinho de sal e grelhe em uma frigideira com um fiozinho de azeite e reserve. É importante grelhar a berinjela antes de levar ao forno, para que ela não solte tanta água. Além disso, assim o prato fica ainda mais gostoso.   

Faça um molho de tomate simples: refogue uma cebola pequena (ou metade de uma grande) em uma panela com um fio de azeite. Coloque uma xícara de passata ou purê de tomate, adicione sal a gosto e espere ferver. Se quiser, tempere com um pouquinho de pimenta preta moída. 

Disponha as fatias de berinjela grelhada em uma assadeira untada com azeite ou manteiga. Despeje o molho de tomate, coloque fatias de queijo muçarela por cima e polvilhe com orégano. Se quiser, também pode colocar queijo parmesão.

Caso você coma carne, pode acrescentar no molho de tomate meia xícara de carne moída ou frango cozido desfiado. Veganos podem substituir a muçarela por queijo de castanhas, também fica uma delícia! 

 

4. Hambúrguer saudável

Hambúrguer pode ser uma boa opção para um jantar saudável, sim! Basta usar apenas temperos naturais e substituir o pão por uma salada de folhas verdes fresquinha.

Além de saudável, essa receita é super prática. Os hambúrgueres podem ser congelados, basta envolvê-los em plástico filme e deixá-los no freezer. Assim, na próxima refeição você só precisa preparar o acompanhamento. 

Em um recipiente grande, misture meio quilo de carne moída (as melhores opções são patinho ou chã de dentro), sal, pimenta do reino, alho em pó e ervas secas a gosto. Boas ideias são orégano, manjerona, alecrim… Se você achar que a mistura está muito seca, despeje bem pouca água, com cuidado para não encharcar. 

Faça bolinhas com as mãos e grelhe em uma frigideira com azeite, ou leve ao forno. É super importante não deixar os hambúrgueres finos demais, ou eles vão ficar secos quando você for grelhá-los ou assá-los. Depois disso estão prontos, é só juntar ao acompanhamento escolhido!

 

5. Sopa de frango com legumes 

Não poderia faltar uma sopinha na nossa lista, não é? Leve e gostosa, é perfeita para noites mais frias e olha como é simples de preparar!

Em uma panela doure uma cebola pequena. Junte uma xícara de água fervente. Acrescente algumas folhinhas de hortelã, meia xícara de cenoura ralada, um punhado de folhas de espinafre e um peito de frango sem osso e sem pele, cozido e desfiado. Espere a cenoura e o espinafre ficarem bem macios, e está pronta a sua sopa.

Sirva com um fio de azeite e umas torradinhas, se você não estiver economizando nos carboidratos. 

 

Viu como é simples fazer um jantar leve e rápido mesmo viajando? Aqui você pode conferir muitas outras dicas de alimentação e na sua próxima viagem não tem mais desculpas para não manter uma rotina saudável quando não estiver em casa. 

E aí, viu como pode fazer um jantar leve e rápido em qualquer lugar que esteja?

Você o que você pode gostar também:

 


 

ALIMENTAÇÃO SAUDÁVELDICAS DE ALIMENTAÇÃO
Comentários (0)
Adicionar Comentário