Confira um roteiro completo pela Chapada das Mesas Maranhão!


Está planejando uma viagem para o Maranhão? Eu super apoio! Fui recentemente e é realmente incrível! Mas, primeiro, é importante que você saiba que, além dos Lençóis Maranhenses, há muito mais para conhecer na região. Tudo bem, os Lençóis Maranhenses são uma das atrações mais queridas do Nordeste, principalmente pelos viajantes amantes de aventura, mas a região também abriga outro paraíso: a Chapada das Mesas, Maranhão. Vem comigo!

ORGANIZANDO SUA VIAGEM

Antes de tudo, já te dou um presente pra essa sua viagem! Indo com a Jalapão 100 Limites você garante 5% de desconto no seu roteiro: é só pedir orçamento com o cupom LEVENAVIAGEM. Você já pode fazer isso direto pelo formulário abaixo:

    Chapada das Mesas Maranhão: onde fica

    O Parque Nacional da Chapada das Mesas fica no centro-sul do Maranhão, na divisa com o estado do Tocantins, que por sua vez é conhecido pelo paradisíaco Jalapão. O Parque Nacional da Chapada das Mesas abrange os municípios de Carolina, Riachão e Estreito. 

    Parque Nacional Chapada das Mesas

    O lugar é, na verdade, uma unidade de conservação de mais de 160.000 hectares, em pleno cerrado. O Parque Nacional da Chapada das Mesas foi criado em 2005 para preservar essa área de grande importância para o meio ambiente. 

    A belíssima paisagem é formada por cânions, cavernas, formações rochosas de mais de 60 milhões de anos e cachoeiras imponentes. Além disso, a área abriga diversas espécies da fauna e da flora brasileiras e ainda tem muito valor ecológico, daí a necessidade de proteção pelo Governo Federal.

    O Parque tem esse nome por causa de seus platôs, uma formação do relevo elevada, geralmente formada pela ação dos ventos ou das águas. Na Chapada das Mesas esses platôs se assemelham a mesas de pedra.

    Como chegar na Chapada das Mesas 

    Para chegar até a Chapada das Mesas, saindo dos principais locais de partida do país, como São Paulo, Brasília, Belo Horizonte, Belém, há duas opções: pousar em Imperatriz ou em Palmas. Estando em alguma dessas duas cidades, é preciso percorrer mais 200km, aproximadamente, até Carolina. Geralmente os voos para Palmas são mais baratos do que os voos para Imperatriz.

    Aqui vale lembrar que, se você optar por pousar em Palmas, a Jalapão 100 Limites encontra você na cidade e te leva até Carolina de 4×4, o que também já é uma experiência incrível.

    Quando ir

    A melhor época para visitar a Chapada das Mesas é entre os meses de junho e outubro. Nesse período há menor chance de ser surpreendido pela chuva.

    No caso da viagem à Chapada das Mesas, é muito importante evitar a época das chuvas. Não somente para que a viagem fique mais agradável, mas também por uma questão de segurança. Na época mais seca, o volume da água dos lagos e cachoeiras fica mais baixo, deixando o banho mais seguro. Além disso, a época de seca também é mais favorável para a prática de trilhas. 

    O clima da região é tropical úmido. As temperaturas costumam ser altas durante todo o ano, variando entre 25ºC a 35ºC.

    Onde ficar na Chapada das Mesas Maranhão

    Se você for com a empresa que indico, a Jalapão 100 Limites, a hospedagem já estará inclusa no pacote. Caso vá por conta própria, deixo algumas dicas aqui. Os três municípios oferecem opções bastante confortáveis e econômicas para hospedagem. Há pousadas, hostels e campings.

    Preparei uma lista com 13 opções para que você possa escolher a melhor para você. 

    Pousadas na Chapada das Mesas:

    1. Pousada Chapada das Mesas

    Localizada em Riachão, possui acomodações simples, mas aconchegantes. Oferece um ótimo café da manhã aos hóspedes e conta com Wi-Fi gratuito.

    1. Pousada Alvorada

    Possui bar, jardim e Wi-Fi grátis para os hóspedes. Os quartos ainda possuem área de estar, apresentando um ótimo custo-benefício.

    1. Canto das Águas Pousada

    Situada em Carolina, a Canto das Águas Pousada possui acomodações com lounge compartilhado, jardim e churrasqueira. Também oferece aos hóspedes serviço de quarto e Wi-Fi gratuito em todas as áreas. Na pousada, os quartos têm ar-condicionado e banheiro privativo.

    1. Pousada dos Candeeiros

    A pousada conta com excelente localização, bem no centro histórico de Carolina. Possui acesso Wi-Fi gratuito, buffet de café-da-manhã e uma piscina ao ar livre. Também dispõe de um jardim e uma sala de estar de uso comum com TV. Todos os quartos possuem ar-condicionado, TV e frigobar.

    1. Pousada Paraíso Vidal

    Situada em Carolina, a Pousada Paraíso Vidal fornece aos hóspedes acomodações com Wi-Fi gratuito e estacionamento privativo, também gratuito. A pousada dispõe ainda de quartos família, todos com banheiro privativo.

    1. Hospedaria Sertões

    A Hospedaria Sertões conta com piscina ao ar livre, recepção 24 horas e Wi-Fi gratuito em toda a área. Também oferece aos hóspedes um ótimo café da manhã.

    1. New Center Hotel

    O New Center Hotel fornece aos hóspedes quartos com ar-condicionado e lounge compartilhado. Além disso, conta com jardim e terraço. O hotel ainda oferece recepção 24 horas, translado para o aeroporto, serviço de quarto e Wi-Fi gratuito em toda sua área. Todos os quartos possuem mesa de trabalho, TV de tela plana e banheiro privativo.

    1. Rancho das Estrelas

    Situado em Carolina, o Rancho das Estrelas conta com Wi-Fi gratuito e churrasqueira, e aceita pets. Alguns de seus quartos possuem área de estar. Possui recepção 24 horas e um serviço de transfer para o aeroporto. 

    1. Pousada Familiar Encanto da Chapada

    A Pousada Familiar Encanto da Chapada oferece aos hóspedes lounge compartilhado, estacionamento privativo sem custo, churrasqueira e terraço. Também oferece buffet de café da manhã. A acomodação dispõe de serviço de quarto e Wi-Fi gratuito em todas as áreas. Todos os quartos da pousada dispõem de área de estar, TV, ar-condicionado e banheiro privativo.

    1. Pousada Águas Do Cerrado

    Pousada Águas do Cerrado oferece aos hóspedes restaurante, estacionamento privativo gratuito, bar e lounge para o uso comum. Ainda conta com jardim, churrasqueira e cozinha compartilhada. Oferece Wi-Fi gratuito, ar condicionado e banheiro privativo em todos os quartos.

    1. Refúgio do Raiz Camping

    Para os mais aventureiros, há a opção de camping. O Refúgio do Raiz possui Wi-Fi gratuito, churrasqueira, jardim e estacionamento privativo. É possível fazer trilhas a pé e de bike, e ainda mergulhar, bem perto do camping.

    1. Pousadinha Filhos da Água

    A Pousadinha Filhos da Água possui quartos com ar-condicionado, jardim e terraço ao ar livre. A pousada oferece recepção 24 horas, transfer para o aeroporto, lounge compartilhado e Wi-Fi gratuito em toda a área. E inclui ainda café da manhã. Na Pousadinha Filhos da Água você pode alugar um carro ou uma bike. O lugar é bastante apreciado pelos ciclistas.

    1. Hostel de Carolina 

    Essa é uma opção mais econômica para sua viagem à Chapada das Mesas. Todos os quartos possuem ar condicionado, e o albergue ainda conta com cozinha e lounge compartilhado. O Hostel de Carolina também oferece Wi-Fi gratuito para os hóspedes.

    ORGANIZANDO SUA VIAGEM

     

    Roteiro Completo da Chapada das Mesas

    O mínimo para aproveitar o passeio na Chapada das Mesas é quatro dias de estadia. Eu fiz o roteiro de 4 com a Jalapão 100 Limites, que oferece roteiros de 4 e também 5 dias. Atrações que você visitará com eles:

    • Cachoeira São Romão: dentro do Parque Nacional da Chapada das Mesas está essa cachoeira de força e poço enorme para banho. Tem uma prainha de areia clara, e ainda é possível visitá-la atrás da queda e andar de caiaque. Para chegar até ela, só com carro 4×4. Ir com guia é a melhor alternativa.

     

    • Morro do Chapéu: é o maior símbolo da Chapada das Mesas no Maranhão. É um morro de cume plano, de nada menos que 378 metros de altura. Todos que subiram dizem que a vista lá de cima vale o esforço! Eu não fui, mas tive o privilégio da sua vista a partir do Portal da Chapada das Mesas. A estrada até o local parece cinematográfica e está a cerca de 20 minutos do centro de Carolina.

    • Cachoeira do Talho: cachoeira pequena, mas linda e com um charme único. Poucas pessoas conhecem e poucas agências fazem esse passeio! É quase uma atração exclusiva da Jalapão 100 Limites. A trilha é curta e possui uma descida íngreme. É praticamente certo de que terá ela somente para você!

    • Pôr do sol no Rio Tocantins: sim, o Rio TO passa ali e tem um pôr do sol maravilhosooooo! Vale uma parada na beira dele, na cidade de Carolina, e se quiser ainda tem restaurante com peixe fresco para assistir de camarote.

    • Cachoeira da Prata: não deixe de conhecer essa deslumbrante queda d’água! A Cachoeira da Prata ganhou esse nome porque o sol quando incide na água parece deixá-la prateada. São duas quedas no mesmo paredão e que na época da chuva formam uma só. Não há trilha, tem poço para banho e é de uma força e tanto! Esse passeio é para ser feito no mesmo dia da Cachoeira São Romão, e, por isso, também precisa de carro 4×4 e é super aconselhável ir com guia.

    • Complexo da Pedra Caída: tem uma excelente infraestrutura para o ecoturismo e conta até mesmo com tirolesa. Uma delas está a 392 metros de altura e é a mais alta tirolesa da América do Sul. Não deixe de conhecer a Cachoeira do Garrote e a Cachoeira do Santuário. O ideal é ir bem cedo para conseguir pegar o atrativo mais vazio. Final de semana fica lotadíssimo! A entrada é cerca de R$60, mas indo com a Jalapão 100 Limites o valor já está incluso e o roteiro é desenhado para você chegar antes de todos por ali.

    • Portal da Chapada das Mesas: o portal é uma abertura esculpida naturalmente em uma pedra. Dali é possível ter uma linda vista da paisagem do cerrado, tanto no pôr quanto no nascer do sol. Eu fui no entardecer e fiquei maravilhada com o visual dessa pedra furada! 

    • Poço Azul: uma das atrações mais visitadas da região, está localizado no município do Riachão e impressiona pela beleza e cor da água. Fim de semana fica bastante cheio, então quanto antes chegar, melhor. O espaço conta com infra de restaurantes, banheiro e ambientes diversos. Ao lado está a Cachoeira de Santa Bárbara, que muitos vão apenas olhar, mas merece o seu mergulho, eu prometo! Aproveite para conhecer o Encanto Azul, outra atração perto do Poço Azul. Sim, são duas atrações com nomes semelhantes, mas não são a mesma coisa! 

    • Cachoeira de Santa Bárbara: ao lado do Poço Azul está a cachoeira que se forma em suas rochas, a Santa Bárbara. De uma força enorme, vale o mergulho! Eu fui até a queda d’água e tive uma experiência incrível! Nos finais de semana é frequente a descida de rapel pela cachoeira e custa cerca de R$90.

    • Encanto Azul: No município do Riachão, uma gruta com água azul cristalina ganhou meu coração! LINDÍSSIMO! São 7 metros de profundidade, com uma visibilidade altíssima e infra rústica. O sol bate no poço por volta das 11h e fica até às 13h; no entanto, esse horário é o mais cheio da atração.

    E ainda tem essas duas que não fui e podem ser incluídas no roteiro de 5 dias com eles!

    • Cachoeira de Itapecuru: também conhecida como cachoeiras gêmeas. Na área se forma um lindo lago, onde é possível andar de caiaque. Fica no povoado de São João das Cachoeiras, a 30 km do centro de Carolina.
    • Cachoeira do Dodô: é pequena, mas muito apreciada na região. Fica a 33 km do centro de Carolina.

    A base para o roteiro é o município de Carolina, que fica a aproximadamente 800 quilômetros da capital do estado do Maranhão. A cidade é conhecida como o Paraíso das Águas, já que conta com 89 cachoeiras e cerca de 400 nascentes. 

    Dicas Finais

    • Para aproveitar plenamente essa experiência maravilhosa, recomendo fortemente que você seja acompanhado por um guia experiente. Assim, você pode ficar tranquilo por estar com alguém que realmente conhece a região. Mas as vantagens vão além da segurança. Ao contar com um guia, você pode aproveitar muito mais sua viagem, já que ele vai te ajudar a tirar o melhor de cada atração! Lembre-se do seu desconto com a Jalapão 100 Limites!
    • Na hora de fazer sua mala, faça boas escolhas, leve apenas o básico: calçados confortáveis, roupas leves, óculos escuros, repelente, chapéu e protetor solar são os itens essenciais. Não se esqueça que geralmente faz muito calor na região. 
    • Se quiser explorar a região de carro, você pode alugar um veículo e seguir por essas atrações. 
    • E já que você está na Chapada das Mesas, que tal esticar mais um pouco sua viagem até o Jalapão? Recomendo que você faça o pacote fechado, para aproveitar melhor sua viagem.
    • Sem dúvida a Jalapão 100 Limites tem o melhor pacote. Além de ser a mais bem avaliada pelo Trip Advisor, os leitores do Leve na Viagem ainda ganham 5% de desconto. 

    E aí, curtiu as dicas? Já conhece ou pretende visitar em breve a Chapada das Mesas, no Maranhão?  Não pensa muito não, só vai! Aproveite que ainda não está tão frequentada pela grande massa de turista, realmente vale sua visita! 🙂

     

    Chapada das MesasECOTURISMOVIAGEM NACIONAL
    Comentários (0)
    Adicionar Comentário