O que conhecer na Bolívia? Saiba mais sobre esse país!


Já pensou em ir para a Bolívia? E sobre o que conhecer na Bolívia? Pois é. Não tão pensada por viajantes, a Bolívia é um destino que proporciona experiências maravilhosas.
O país é rico em tradições indígenas, tem uma comida típica bastante forte, e uma extrema simplicidade. Num primeiro momento, pode assustar, mas aos poucos esquece-se a simplicidade, que complementa toda a riqueza cultural da Bolívia.
Conheci o país muitos anos atrás, no primeiro mochilão que fiz na vida, e confesso: foi, sem dúvida alguma, uma das experiências mais engrandecedoras e marcantes que vivi! Foi também decisiva para que eu desse impulso a essa vida de viajante profissional. Tantas emoções, reflexões e sentimentos, que, olha… Só indo para entender.
Continua lendo que tem muita coisa interessante a ser falada por aqui!

O que conhecer na Bolívia? Saiba alguns detalhes

Como já disse, a Bolívia é um país multicultural! Ainda que tenha o Espanhol como língua oficial, ainda são preservados dialetos locais, como o Aimara. Além disso, são comemoradas tradições folclóricas do país, como as originadas do Império Inca, mesmo sendo católica a maior parte da população.
É um país pobre, extremamente simplório, mas toda a sua riqueza cultural torna o local esplêndido. De fato, o ponto forte do que conhecer na Bolívia é sua pluralidade cultural. Outro ponto considerável são as belezas naturais. O país apresenta placas de sal, vulcões, gêiseres, lagoas montanhas… Uma natureza majestosa aguardando por você.
Para ingressar na Bolívia, tudo o que você precisa é de carteira de identidade com foto atual e do Certificado Internacional de Vacinação comprovando a proteção contra febre amarela.
Importante falar, também o peso boliviano é desvalorizado em relação ao real. Isso significa que a sua viagem será mais barata do que pensa! Quantos pontos positivos, né?
Agora, para saber mais detalhes sobre o que conhecer na Bolívia, continue lendo e inspire-se para conhecer esse incrível país!

ORGANIZANDO SUA VIAGEM

ATENÇÃO: a Embaixada do Brasil em La Paz emitiu, em 12 de dezembro de 2019, um alerta para os cidadãos brasileiros. Devido às instabilidades e conturbações políticas, não é recomendada a viagem ao país, a menos que se trate de uma situação inadiável. Apesar da tensão aparentar estar mais leve, a crise que deu originou o caos no país ainda é forte e, a qualquer momento, podem ocorrer violentas manifestações. Você pode ler mais informações aqui.

O que conhecer na Bolívia: principais destinos

Cochabamba

Quando o assunto é o que conhecer na Bolívia, não restam dúvidas que Cochabamba está na lista. Localizada entre Santa Cruz de La Sierra e La Paz, está a aproximadamente 2.500m de altitude e é uma das mais agradáveis e bonitas bolivianas. É um contraste com o restante do país, já que é bastante organizada e apresenta maior desenvolvimento.
Para chegar até Cochabamba, você pode optar por ônibus ou avião. Eu fui pelo Trem da Morte até Santa Cruz de La Sierra e, de lá, segui de ônibus até a cidade. Mas aqui aviso: a desorganização do sistema de transporte é terrível. As estradas são perigosas, além de caóticas. A viagem em si, no ônibus, é tranquila, mas demorada: são aproximadamente 12h.
Já de avião, existem voos diretos para um dos mais modernos aeroportos da Bolívia, que está localizado justamente em Cochabamba, a aproximadamente 3km do centro da cidade.
Fiquei dois dias na cidade, e, sinceramente, acredito que seja o suficiente. Existem diversas coisas interessantes para conhecer, como o Mercado de La Cancha, um dos maiores da América Latina e que vende de tudo um pouco. Quem acompanha o Leve na Viagem conhece bem minha paixão por feiras, então… Super indico!

O que fazer em La Paz

Uma das mais altas cidades do mundo, La Paz é a cidade que abriga o governo da Bolívia. É uma das mais altas cidades do mundo, a 3.600m de altitude! Por ser um centro governamental, é uma das mais globalizadas cidades bolivianas, mas que ainda preserva e resgata a cultura inca local. Já dá pra imaginar quantas sensações incríveis esse lugar pode proporcionar, né?
Existem várias maneiras possíveis de chegar à cidade, sendo o avião e os ônibus a partir de outras cidades as vias mais comuns. De avião, você pousa no Aeroporto Internacional El Alto (LPB), em El Alto, a 10km do Centro de La Paz. Atente-se ao fato de que todas as passagens para voos saídos desse aeroporto cobram uma taxa de embarque de aproximadamente 25 dólares para voos internacionais.
De ônibus, você pode ir sair de diversas cidades. Eu, por exemplo, saí de Cochamba de ônibus, rumo a La Paz.
A cidade abriga diversos pontos turísticos a serem visitados, por isso não recomendo menos de três dias de estadia. Você tem lugares para ir como a Chacaltaya, uma montanha de lindo visual, e o Mirador Kili Kili, que, apesar de não tão comentado, proporciona uma belíssima vista de toda a cidade. Aqui, elenco 8 pontos turísticos imperdíveis em La Paz!

Dica: existem por aí diversos relatos de intoxicação alimentar devido à comida boliviana, já que as condições sanitárias do país não são das melhores. Deixo prontinho para vocês um post a esse respeito!

Copacabana – Lago Titicaca

Fronteira entre a Bolívia e o Peru, Copacabana margeia o lago mais alto do mundo: o Lago Titicaca. Quando pensar sobre o que conhecer na Bolívia, JAMAIS deixe este belo lago de fora da sua lista. Sério! Vale super a pena, ainda mais sabendo que foi por causa dele que surgiu a civilização Inca. Organize-se e inclua-o em sua viagem!
Copacabana é uma cidade simples, bastante calma, tem ótimos lugares para comer – e comidas deliciosas, é claro. Sua vista do lago é surreal! E, por isso, você encontra muitos turistas por lá.
Para chegar até lá, você pode pegar uma van cujo letreiro diz Cemitério, e, desse cemitério, pegar ônibus que vão até Copacabana. Você economiza muito fazendo isso. A empresa que faz esse trajeto saindo do cemitério se chama 2 de Febrero.
Passei dois dias lá, o que achei suficiente, já que a cidade é pequena e o principal passeio fica por conta da visitação à Isla del Sol, que tem vista para os picos nevados dos Andes e vestígios arqueológicos.

Salar de Uyuni – Deserto de Sal

Maior planície de sal do mundo, o Deserto de Sal é um dos principais nomes que vêm à mente quando pensamos no que conhecer na Bolívia. Fato é que o local é mesmo incrível. Sua formação se deu devido à transformação de vários lagos pré-históricos, apresentando nada menos que DOZE MIL QUILÔMETROS QUADRADOS DE SAL!!! Vocês têm noção do que isso é?! É surreal!
Além de belíssimo, o Salar funciona como mina de extração de sal, e é também considerado como o maior reservatório de lítio do mundo.
Para chegar até lá, você pode ir da Bolívia ou do Deserto do Atacama, no Chile. Caso parta da Bolívia, saíra da cidade de Uyuni, para onde irá a partir de La Paz. Poderá ir de ônibus ou avião. Eu, particularmente, acredito que compensa mais ir de avião, já que a viagem é bem rápida.
Uma questão muito pensada é: quando ir? Bem, qualquer estação é incrível. Mas é claro que, na seca, você de fato vê puramente o sal que forma o deserto, mais bonito e agradável sem a chuva.

Potosí

A cidade, localizada aos pés da Cordilheira Oriental, a 4.070 metros de altitude, é uma das mais altas do mundo! Ainda preserva seu passado colonial, quando eram extraídas toneladas de prata das minas locais.
Sabia que a arquitetura da época fez com que a cidade ganhasse o título de Patrimônio Histórico da Humanidade, pela Unesco? Pois é! Quantas coisas interessantes de cidades que às vezes sequer recordamos.
Passei um dia e meio na cidade, quando voltava do Salar de Uyuni, sendo ela meu último destino antes de retornar ao Brasil. Achei mais que suficiente, pois a cidade é pequena e simples.
Potosí exala história e cultura. Existem pontos turísticos interessantes, como o Ojo del Inca, que é a cratera de um vulcão inativo que jorra água! Num primeiro momento, a cidade não parece atrativa, mas ela proporciona uma experiência bastante diferente de tudo o que você vive em outras cidades da Bolívia.

Dicas extras sobre o que conhecer na Bolívia!

Em primeiro lugar, minha dica padrão: seguro viagem! Apesar de não ser obrigatório para a entrada no país, o seguro viagem irá te respaldar ao longo de sua viagem. Não há nada como viajar tranquilo, sabendo que, ainda que ocorra algum imprevisto, você está seguro, não é mesmo? Veja as melhores opções de seguradoras no site da Seguros Promo e lembre-se do cupom LEVENAVIAGEM5, que te dá 5% off em qualquer adesão 🙂
Outra dica importante é quanto à internet. Convenhamos, depender de wi-fi de hotéis e locais públicos, ou ficar controlando sua rede de dados móveis para não gastar demais é um saco, né? Por isso recomendo a EasySim4U. Ela te fornece internet ilimitada durante toda sua viagem e o chip chega por correio. Depois, é só inserir no celular quando entrar no país e pronto! Desde que descobri esse chip, levo em toda viagem internacional.
Permita-se viver um pouco da cultura local! Experimente comidas, frutas nativas, vá às feiras de ruas, escute as músicas locais. Bolívia é para ver muita coisa, mas também para sentir!


AMERICA DO SULBOLIVIAVIAGEM INTERNACIONAL
Comentários (0)
Adicionar Comentário